HomeiFriend pelo MundoLouvre, Paris: o que você precisa saber
iFriend pelo Mundo

Louvre, Paris: o que você precisa saber

museu-do-louvre-ifriend
Dicas para a visita perfeita a um dos museus mais visitados do mundo

E assim, finalmente, chegou o dia do iFriend pelo Mundo visitar o Museu do Louvre, o maior museu do mundo, em Paris, França. Mesmo passando um mês inteiro na Cidade Luz para aumentar a sensação de pertencimento e quase “cidadania”, havia por nossa parte uma enorme vontade de conhecer essa que é uma das principais atrações do planeta, porém tão grande e complexa que exige algumas preparações e planejamentos.

Nem tudo sabíamos de antemão, mas agora que você está aqui, quando visitar o Louvre, você saberá. Acompanhe o texto e confira o que você precisa saber sobre o Museu do Louvre!

Data da Visita

O Museu do Louvre fecha às terças-feiras. Portanto, se você tem poucos dias em Paris e um deles é terça-feira, se programe para conhecer outras atrações nesse dia. 

O fechamento às terças-feiras também aumenta o fluxo de visitantes às segundas-feiras, fazendo com que os dias um pouco menos lotados (mas ainda incrivelmente cheios) sejam quartas e quintas-feiras.

Muita atenção também com o fechamento do museu nos feriados do Dia Internacional do Trabalho (1º de maio), Natal (25 de dezembro) e Réveillon (1º de janeiro).

Horário de Funcionamento 

O museu abre às 9h da manhã e é extremamente recomendado que você comece a visita logo na abertura, pois nessa primeira hora há ainda um fluxo de entrada e você consegue transitar com mais facilidade.

O fechamento do museu é às 18h nas segundas, quartas, quintas-feiras, sábados e domingos e às 21h nas sextas-feiras.

As 9 horas disponíveis nos demais dias são mais do que suficientes, portanto não há nenhuma necessidade de priorizar as sextas-feiras.

Chegando no Louvre

Se você chega de metrô pela linha 1 ao Museu do Louvre, desça na estação Palais Royal – Musée du Louvre e siga as placas sentido Carrousel Du Louvre. Esse é um shopping subterrâneo ao museu, que tem acesso direto e mais rápido.

Se você chegar caminhando ou de ônibus, não siga até a fila da pirâmide, mais longa. Procure o Carrousel Du Louvre, com entradas na praça do Carrousel que fica antes da pirâmide.

Planejamento de visita

A melhor maneira de visitar o Museu do Louvre e que vai maximizar sua experiência é fragmentar o tour em áreas de interesse e dividir esses pedaços em várias visitas. Sabendo que isso não era uma realidade para nós (e nem para a maior parte dos turistas que visita a atração), o jeito foi tentar explorar o máximo possível ao longo do dia.

Uma estratégia que pode ser usada está aliada a tática de aproveitar o menor fluxo da manhã e correr até a Mona Lisa, de Leonardo da Vinci, a única peça do museu que tem fila para uma visualização mais próxima. Para isso, entre no museu pela entrada do Denon e siga as placas de orientação e mapas até a Gioconda. 

Selfie e contemplação feitas, veja o restante da seção das pinturas italianas nas salas adjacentes e prossiga para as pinturas da França, com a Coroação de Napoleão, da Inglaterra e Estados Unidos e da Espanha.

O fluxo pode ser continuado de várias formas, dependendo de onde está o interesse individual de cada um, mas o fundamental é seguir um mapa distribuído dentro do museu para não se perder nas centenas de salas das alas Denon, Sully e Richelieu.

As obras imperdíveis

  • Mona Lisa – sala 711
  • Casamento em Caná – sala 711
  • A Liberdade guiando o povo – sala 700
  • Vitória da Samotrácia – primeiro andar da Ala Denon ao final das escadas
  • A Virgem das Rochas – sala 710
  • São João Batista de da Vinci – sala 710
  • Galerias de Apollo – sala 705
  • A Coroação de Napoleão – sala 702
  • Apartamentos de Napoleão III – sala 544
  • Código de Hamurabi – sala 230
  • Touros Alados da Babilônia – sala 229
  • Cavalos de Marly – grande salão 102 da ala Richelieu
  • Vênus de Milo – sala 345
  • Louvre Medieval – subterrâneos da Ala Sully
  • Esfinge de Tânis – sala 338
  • Sarcófagos, Múmias e Esfinges – alas 321 e arredores da Ala Sully
O Casamento em Caná, de Paolo Veronese, visto da fila para a Mona Lisa

Se você não faz ideia do que deseja ver ou crê que precisará de ajuda para navegar nesse lugar imenso, não deixe de procurar um guia iFriend com especialização no Museu do Louvre.

Ver iFriends em Paris

Demais dicas importantes

  • Há armários disponíveis para guardar seus bens gratuitamente. Utilize-os para carregar o mínimo de peso possível na caminhada.
  • Leve lanches para evitar perder tempo nas filas dos cafés e restaurantes.
  • Não se desespere com a complexidade do Museu do Louvre. O sentimento é sempre o mesmo de que não vimos tudo o que gostaríamos e que algo vai ficar para a próxima vez.
  • Tire sua selfie com a pirâmide do Louvre ao final da visita ou antes da abertura.

Agora que você leu o que precisa saber sobre o Museu do Louvre, que tal conferir um guia de viagem de Paris?

iFriend. Find a Friend. Enjoy the ride.

Já pensou em visitar o seu próximo destino antes mesmo de estar lá?

Monte um roteiro com nossos iFriends e desbrave como local.

Nossos Guias

Que tal?