HomeDicas de ViagemPontos Turísticos de Veneza
Dicas de Viagem

Pontos Turísticos de Veneza

Veneza e suas gôndolas paisagem
Um labirinto encantador, onde as águas são o cenário principal

Veneza tem pontos turísticos fascinantes – é tudo aquilo que a gente vê pela TV e muito mais. Caminhando sem rumo, o turista descobre novos restaurantes, novas lojas, novas atrações. Em cada canto, a cidade é rica em cultura e história, com inúmeros monumentos esperando por sua visita.

Confira agora os mais importantes pontos turísticos de Veneza, apaixone-se!

Saiba mais: Guia de viagem Veneza

Ponte dos Suspiros
Ponte dos Suspiros
  • Piazza San Marco – Essa é a principal praça de Veneza. Na Piazza San Marco ou Praça São Marcos estão vários pontos turísticos importantes para você conhecer em Veneza: a Basílica di San Marco, a Torre do Campanário, a Torre dell”Orologio, o Palácio Ducal e a Piazzetta di San Marco, praça famosa com o Leão Alado, o símbolo da cidade. Visite a praça durante o dia e também durante a noite: o cenário é o mesmo, mas a sua percepção será totalmente diferente.
  • Basílica di San Marco – É a igreja mais famosa da cidade. Sua construção realmente impressiona pelo tamanho e arquitetura, contendo cinco cúpulas que mesclam os estilos bizantino, românico e renascentista. O ingresso à basílica é gratuito, você só paga se quiser ir ao museu que fica nela.
  • Torre do Campanário – A primeira versão da construção da torre data do século IX e desmoronou em 1902, sendo reconstruída com base em um projeto do século XVI. Do alto da torre, é possível ver Veneza por outro ângulo e logo abaixo está a Basílica di San Marco.  
  • Palazzo Ducale – O Palácio Ducal chama atenção por sua arquitetura de estilo gótico. O local era a antiga sede do doge, o governante de Veneza. Como praticamente todas as construções da cidade, você ficará encantado ao observar os detalhes da fachada do local. O ingresso da visita é pago e a parte boa é que ele dá acesso também ao Museu Correr, ao Museu Arqueológico Nacional e a Biblioteca Nacional Marciana.   
  • Ponte dos Suspiros – Construída entre os anos de 1600 e 1602 para permitir a ligação entre o Palácio Ducal, que já foi Tribunal de Justiça (lugar onde eram julgados e condenados todos os réus da época), à cadeia pública (prisão) da época, a ponte tem esse nome, pois dava o direito dos condenados suspirarem pela última vez, vendo a luz do sol, as águas, a cidade. O único jeito de chegar até ela é pelo Palácio Ducal. A ponte tem duas janelas de cada lado, quadradas, com uma estrutura de concreto e desenhos vazados de flores. Por dentro, ela é simplesmente uma ponte com um corredor apertado. O mais comum é tirar uma foto do calçadão virado pra ponte. A vista é mais bonita do que em seu interior, onde várias pessoas disputam um buraquinho das janelas para avistar a paisagem lá fora.
  • Tour pelo Grande Canal – Para fazer um tour pelo Grande Canal, você pode usar seu passe livre de vaporetto, meio de transporte oficial da cidade. Enquanto cruza com outros barcos e gôndolas, vá apreciando a vista e fazendo belos cliques. É tudo tão mágico que a hora voa.
  • Ponte Rialto – É a ponte mais famosa de Veneza, além de mais antiga das quatro existentes sobre o Grande Canal. Ela é a linha divisória para os distritos de San Marco e San Polo. Todos os anos, milhões de turistas a atravessam. 
  • Mercado de Rialto – Atravessando a Ponte Rialto desde San Marco, você chegará ao Mercado de Rialto, um lugar especialmente colorido onde predominam as frutas e verduras.   O mercado ao ar livre oferece peixes, frutas, legumes e verduras frescos, sendo muitos produtos típicos da região de Veneza, como o schie, pequenos camarões da Lagoa de Veneza.
  • Burano e Murano – Murano é uma ilha de Veneza muito conhecida pela produção de vidros e peças em cristal. Passear pela cidade é legal, mas o mais incrível é entrar em uma lojinha que tenha um artesão manipulando o vidro ali, na sua frente. E eles criam peças rapidamente, com muita habilidade. Já Burano é uma ilha conhecida pelas suas casas coloridas, alegres e pelo artesanato das rendeiras da região. Os peixes de Burano são considerados os melhores da região, ou seja, almoçar por lá deve ser considerado no seu roteiro.  Com o passe livre do vaporetto, o turista consegue se deslocar para ambas as ilhas.
Leia também:  Quando visitar Roma?

Leia também: Por que visitar Veneza?

Punta Della Dogana
Punta Della Dogana

Veneza, a cidade das gôndolas e dos canais, espera sua visita!

iFriend. Find a friend, enjoy the ride. 

O que achou?

Média / 5. Votos:

Comentar

Comentar

Que tal?